O Próprio
Faixa #4 3:10 Instrumental: Dillaz, Migz, Goias & Ariel Beni

Letra de Vivo

Vivo Lyrics

[Refrão]

É, não adianta dares o papo

Só não vou ser o que eu não quiser

Há que aguentar o barco

E esperar aquilo que vier

Uh-huh, uh-huh-huh-huh

Uh

[Verso]

O que vês da minha pessoa vem da partilha

Aquilo que ele há tempos papava, boy, já não papa

Não vês o que sou pela marca da sapatilha

Tu nunca me vais ver no sítio na hora exata

Mas tou uma maravilha, mãe

A ver nascer o dia, cheira a relva aparada

'Tou com vista p'á ilha, mãe

Na verdade, a gente vive sem ter rumo

E sem pensar em quanta vida tem, huh

Porque é que a gente complica?

Só dá valor à coisa quando fica sem, huh

Quantas vezes tu tocaste em estrelas que não descem? (Descem)

E deste tudo àqueles que não davam

Muitas vezes viste rosas onde elas não crescem (Crescem)

E problemas onde eles não 'tavam

Só aquele que é vazio se tomba c'o soprar do vento

Às vezes quem se sente assim sou eu

Mas quem és tu p'a estragar o meu tempo?

Se todo o ser humano tem o seu

[Bridge]

Embora eu faça aquilo que é preciso

Eu sinto que voltar é foda

Mas se eu sinto, é porque eu 'tou vivo

Porque eu 'tou vivo (Huh)

E embora eu faça aquilo que é preciso

Eu sinto que voltar é foda

Mas se eu sinto, é porque eu 'tou vivo

(Porque eu 'tou vivo)

[Refrão]

É, não adianta dares o papo

Só não vou ser o que eu não quiser

Há que aguentar o barco

E esperar aquilo que vier, uh-huh

É, não adianta dares o papo

Só não vou ser o que eu não quiser

Há que aguentar o barco

E esperar aquilo que vier, uh-huh

[Outro]

Mas 'tou uma maravilha mãe

Com vista p'á ilha, mãe

Mas 'tou uma maravilha mãe

Com vista p'á ilha mãe, uh-huh

Sexta-feira - 19 Julho, 2024